Mapa do Site
Menu de Opções
Tabela de IR
Relatório Mensal
Relatório de Administração/DF
Regulamento
Informações ao cotista
5ª Emissão de cotas
JS Real Estate Multigestão

O JS Real Estate Multigestão terá por política básica realizar investimentos imobiliários de longo prazo, objetivando, fundamentalmente, auferir:
- rendimentos oriundos das cotas de outros fundos de investimento imobiliário que venha a adquirir;
- ganho de capital nas negociações de cotas de outros fundos de investimento imobiliário de seu patrimônio; e
- rendimentos dos CRIs, LCIs e LHs que venha a adquirir.

No que se refere às cotas de outros fundos de investimento imobiliário, o Fundo deverá observar cumulativamente os seguintes requisitos:
- as cotas deverão ser adquiridas prioritariamente em ofertas públicas ou no mercado secundário, em mercados regulamentados de valores mobiliários;
- as cotas devem ser, preferencialmente, admitidas à negociação em mercados regulamentados de valores mobiliários; e
- os fundos de investimento devem deter preponderantemente em sua carteira imóveis já existentes e que sejam geradores de renda, não havendo qualquer restrição acerca do tipo de imóvel;

As disponibilidades financeiras do Fundo que não estiverem investidas em Ativos Alvo poderão ser aplicadas, obedecendo aos critérios de liquidez, segurança e rentabilidade, em cotas de fundos de investimento de renda fixa.


O Fundo deverá distribuir a seus cotistas no mínimo 95% (noventa e cinco por cento) dos resultados, calculados com base nas disponibilidades de caixa, consubstanciado em balanço semestral encerrado em 30 de junho e 31 de dezembro de cada ano, a ser pago na forma do Regulamento.

Os resultados auferidos no semestre serão distribuídos aos cotistas, mensalmente, sempre no 15º (décimo quinto) dia útil do mês subsequente ao do recebimento dos recursos pelo FUNDO, a título de antecipação dos resultados do semestre a serem distribuídos, sendo que, eventual saldo de resultado não distribuído como antecipação será pago no prazo máximo de 10 (dez) Dias Úteis, após a realização da Assembleia Geral Ordinária de Cotistas, podendo referido saldo ter destinação diversa daquela dada pela Assembleia de Geral Ordinária de Cotistas, com base em eventual proposta e justificativa apresentada pelo Administrador.